_J012943

Entrevistas pós-jogo de Allegri e Dybala

SHARE
Entrevistas pós-jogo de Allegri e Dybala
Entrevistas pós-jogo de Allegri e Dybala
Entrevistas pós-jogo de Allegri e Dybala

MASSIMILIANO ALLEGRI

“Não há nada que possamos dizer agora. Todos nós temos que assumir a responsabilidade, nos empenhar e seguir em frente. Devemos ser humildes o suficiente para reconhecer que, no momento, estamos no meio da tabela, mas de uma forma ou de outra sairemos dessa situação.

Independentemente de contra quem estejamos jogando, devemos jogar com humildade. As coisas nem sempre acontecem da maneira que você deseja no futebol - às vezes elas vão contra você - e se você quer se levantar, precisa se orgulhar.

Em uma partida como essa, você tem que se colocar no mesmo nível do adversário e correr muito. Você tem que conquistar a vitória jogando com uma atitude diferente.Pensamos que éramos melhores do que eles e agora, claramente, não somos.

Devemos ser realistas e respeitar nossos adversários. Isso significa que temos que querer muito, temos que lutar por cada bola, cada dividida.

No momento, tendemos a ver tudo como negativo, mas precisamos analisar com uma cabeça clara o que está funcionando e o que não está. Agora é a hora de ficarmos quietos e trabalharmos duro."

PAULO DYBALA

“O Verona marcou dois gols cedo, mas eles também estavam mais ligados do que nós e venceram muitas divididas. Quando você se encontra nesse tipo de situação, você tem que tentar marcar de qualquer maneira que puder, mas não podemos jogar um tempo inteiro fora de casa assim.

Temos que lembrar que somos a Juve e devemos mostrar respeito pela camisa que vestimos e pelos grandes jogadores que a usaram antes de nós.

Se quisermos sair dessa, vamos precisar trabalhar todos juntos. Cada um de nós, antes de ir para a cama esta noite, tem que pensar sobre este jogo e como podemos fazer melhor.

Devemos ser humildes e voltar imediatamente as nossas atenções para a próxima terça-feira. Se jogarmos como a Juve, não precisamos temer nada. ”

Itens relacionados