Highlights | Serie A | Juventus - Atalanta | 22/01/2023

Juve e Atalanta empatam em jogo espetacular de seis gols

SHARE
Juve e Atalanta empatam em jogo espetacular de seis gols
Juve e Atalanta empatam em jogo espetacular de seis gols
Juve e Atalanta empatam em jogo espetacular de seis gols

Juventus e Atalanta marcaram três gols cada em um empate emocionante no Allianz Stadium, válido pela última rodada do primeiro turno do campeonato.

O empate em 3 a 3, no qual a Juve teve de buscar a igualdade no marcador por duas vezes, manteve os Bianconeri 12 pontos atrás do adversário deste domingo. Isso após a punição que retirou 15 pontos da Juve, aplicada pelas autoridades esportivas há dois dias.

A PARTIDA

O jogo não poderia ter começado pior. Logo no primeiro ataque, o Atalanta encontrou o gol.

Aos cinco minutos, Ademola Lookman recebeu dentro da área. O atacante acertou um belo chute cruzado e Wojciech Szczęsny, pego de surpresa, ainda tocou na bola, mas não conseguiu evitar o gol.

A resposta da Juve foi imediata e eficaz.

Mostrando a intenção dos Bianconeri, Manuel Locatelli e Ángel Di María finalizaram da entrada da área. Ambos estariam envolvidos nos principais lances de ataque da Juve no primeiro tempo.

Em escanteio cobrado por El Fideo, seu companheiro de seleção argentina Juan Musso desviou a bola no momento em que Weston McKennie estava prestes a concluir.

A Juve manteve o jogo de alta pressão e a intensidade foi recompensada. Locatelli recuperou a posse de bola no meio-campo dos visitantes e avançou até entrar na área da Atalanta. A bola acabou sobrando para Nicolò Fagioli, que foi derrubado por Ederson. O VAR chamou a atenção do árbitro e, após análise do lance, o pênalti foi marcado.

Na marca da cal, Di María deslocou Musso para igualar o marcador 20 minutos após o gol inicial.

Apenas dez minutos depois, os donos da casa estariam na frente.

Em uma bela jogada pela direita, Di María tocou de calcanhar para Fagioli. O meio-campista fez cruzamento perfeito para Arkadiusz Milik, que bateu de primeira, mandando a bola para o fundo da rede.

A Juve foi pega de surpresa na volta do intervalo. Nem um minuto havia se passado e a Atalanta empatou. Joakim Maehle apareceu por trás da defesa mandante e deslocou Szczęsny para novamente igualar o placar.

Não satisfeita, a Dea seguiu no ataque. Aos 53 minutos, a Atalanta voltou a avançar pela esquerda do ataque com Jeremy Boga, que cruzou da linha de fundo e Lookman. O nigeriano se desvencilhou de Alex Sandro e cabeceou com estilo para o fundo do gol.

A Juventus novamente precisou reagir, e mais uma vez assim o fez.

Manuel Locatelli sofreu falta na entrada da área. Na cobrança de falta, uma jogada ensaiada foi executada com perfeição: Di María rolou para Danilo, que disparou uma bomba para o gol.

Faltando 25 minutos para o final da partida, o placar estava novamente igualado e as duas equipes se mostravam capazes de vencer. No entanto, as defesas finalmente prevaleceram.

Um chute de Tolói obrigou Szczęsny a uma boa defesa, enquanto, do outro lado, dois suplentes Bianconeri quase marcaram o sétimo gol do confronto.

Moise Kean pressionou Merih Demiral, que tentou afastar com um toque de calcanhar, mas a bola caiu novamente para Kean. O atacante cruzou no meio da área, onde Fabio Miretti chegava, mas o jovem não conseguiu finalizar de forma limpa.

Essa seria a última chance da partida. Foi um empate de seis gols, mas, por mais espetacular que tenha sido a partida, a ascensão da Juve na tabela foi adiada.

Itens relacionados